Controle dos distúrbios melhorará o sono

O sono é uma necessidade natural do ser humano, mas como tudo tocado por ele, pode se modificar
sono-produtividade
Excesso de trabalho atrapalha o desenvolvimento de uma rotina saudável de descanso     Foto: https://draflaviasalame.com/doencas-pulmonares/disturbios-do-sono/

Mariana Quintanilha

A insônia ameaça a qualidade de vida de até 45% da população mundial e entre os fatores que causam o problema, a apneia e o ronco são os mais comuns. Caso se concretize as expectativas sobre o aumento da industrialização e do trabalho na sociedade, o estresse e a quantidade de tarefas diárias também tendem a aumentar, resultando em ainda mais horas sem conseguir dormir.

Já existem alguns recursos para ajudar contra o problema, as soluções vão de cirurgias até aplicativos que emitem sons relaxantes. Nem todas garantem um resultado, porém, estimulam a correção destes distúrbios, tendo em vista que na maioria dos casos os conflitos do dia a dia são seus maiores agravantes.

“Sempre dormi umas 7 horas, mas meu aproveitamento do descanso era muito baixo, agora preciso dormir apenas 4 e é o bastante”
Dr. Manoel Ortunho – Após passar por cirurgia de correção de apneia.

Pesquisas apontam que em 2050, os estudos de ondas bi neurais estarão avançados o bastante para gerar resultados rápidos e precisos que impulsionem o sono profundo, causando em pouco tempo seu inicio e nos dando a oportunidade de passar menos tempo em descanso.

Caso o problema seja a respiração, micro ventiladores também serão soluções caseiras, independentes e muito úteis. De maneira fácil, o paciente pode anular sua falta de ar durante a noite e garantir mais disposição para o dia. Com um sono de mais qualidade, o tempo necessário para o repouso também pode mudar e se tornar mais flexível para atender uma sociedade em constante crescimento.