Jornalismo Independente

projetos e ambientes investigam o que vai além da mídia padrão

Imagens de alguns ambientes de Jornalismo Independente, realizado pela aPublica.

Imagens de alguns ambientes de Jornalismo Independente,  sistematização realizada pela aPublica.

 

Não é novidade que a Internet tem de tudo um pouco, mas seu cerne principal ainda está na busca da novidade, muitas delas ainda na capacidade do Jornalismo em olhar e enxergar o cotidiano, seu potencial e  mesmo o que passa ao largo da percepção e do olhar do cidadão apressado, e mesmo do repórter que lida com a mídia tradicional. Isso ocorre porque estes, apesar de enxergarem além do necessário, não podem publicar tudo o que vêem, pois cada empresa tem seu objetivo.

Diante disso, o fenômeno “Jornalismo Independente” ocupou um espaço privilegiado da web. Aliado a isso, resgatou a possibilidade de mostrar assuntos e abordagens em maior profundidade, prática que de uma certa forma resgata as grandes reportagens jornalísticas, antes publicadas em várias páginas, e que posteriormente —pela restrição e otimização de espaços— migraria para a mídia livro.

Convidados a localizar e entrevistar os jornalistas desta vertente, os repórteres do JornalismoFAAT  realizaram um levantamento daqueles que efetivamente podiam e queriam falar sobre este “novo jornalismo”, sua proposta, suas investidas, descobertas, e mesmo dificuldades, mas tudo em nome da possibilidade de mostrar o que é difícil perceber.

Leia e comente: Jornalismo Independente,  Agência Mural,